Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



APTOFONE

24.03.18

Do bistrot típico em Paris,

onde o maître fez a água-na-boca

descer a menus de micro-ondas,

ficaram as saudades do telefone.

 

Fora de moda, sem ecrã touch

nem teclado virtual para

um par de polegares dançar

o quick-step em tempo real.

 

Nem sequer teclas físicas,

quatro filas de três borbulhas

em plena puberdade tecnológica

à espera de um solitário indicador.

 

Apenas esse disco ciclópico

com dez orifícios a confundir

os adolescentes à mesa: quantos dedos

de conversa davam antigamente?

Autoria e outros dados (tags, etc)



foto do autor


Pesquisar no Blog

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D